quarta-feira, 27 de março de 2013

Jurassic Park 3 - Online Legendado

quinta-feira, 21 de março de 2013

quarta-feira, 20 de março de 2013

terça-feira, 19 de março de 2013

O fim dos Dinossauros - Dublado HD

Caminhando com as Bestas (parte 3)

domingo, 17 de março de 2013

Allosaurus ou Alossauro

Introdução

Grandes dinossauros carnívoros já vagavam pelo mundo antes do Tyrannosaurus aterrorizar a América do Norte. Muitos podem ainda ter excedido em tamanho esse monstro. Esses grandes caçadores são chamados de terópodes tetanuros, um nome usado somente para alossauros e dinossauros aparentados. As cabeças dos alossaurídeos tinham crânios altos com ossos distintos e aberturas grandes que diminuíam o seu peso. Às vezes, eles tinham margens ou cristas em seu focinho ou sobre os olhos. Suas maxilas eram imensas, com presas estreitas e curvadas, embora mais fracas do que as de Tyrannosaurus. Seus braços eram bem fortes, as mãos tinham três dedos dotados de garras afiadas e suas grandes pernas musculosas possuíam pés com quatro dedos. Os alossaurídeos prosperaram no final do Jurássico até o final do Cretáceo, em locais tão distantes quanto as Américas do Norte e do Sul, a Europa e a África.

O Allosaurus foi um dos dinossauros mais ferozes que pisaram as planícies da América do Norte, África, Austrália e China há cerca de 150 milhões de anos. Terópode, chegava a medir 12 m de comprimento - menor do que o campeão dos carnívoros, o Tyrannosaurs rex, mas igualmente perverso. O Allosaurus possuía dentes pontudos e afiados. Era equipado também com garras curvas e uma cauda poderosa, que chicoteava o animal com coragem suficiente para atacá-lo. O Allosaurus era grande como a girafa, mas, ao contrário desse herbívoro, era um matador impiedoso, que podia atacar em bandos.

Lagarto Diferente

 
O Allosaurus vagou pelo oeste da América do Norte, leste da África e sudoeste da Europa durante o final do Jurássico. Adultos pequenos pesavam tanto quanto um cavalo, enquanto os grandes tornavam-se tão pesados quanto um elefante. Indivíduos de vários tamanhos talvez pertencessem a várias espécies. Alguns cientistas já pensaram que fósseis de animais maiores eram provenientes de um outro gênero. O Allosaurus comia dinossauros herbívoros, tais como o bípede Camptosaurus e os quadrúpedes Stegosaurus e Apatosaurus. Ele, provavelmente, caçava por emboscada, escondendo-se entre as árvores até que um herbívoro lento aparecesse.

Dentes curvos

Se um homem alto subisse no ombro de um outro quando o Allosaurus existia, alcançaria altura suficiente apenas para examinar a boca desse dinossauro. Então, veria fileiras serrilhadas com cerca de 70 dentes, cada um tão afiado quanto um facão de açougueiro. Todos os dentes curvados para trás, perfeitos para morder a carne de sua presa e impedi-la de escapar. Ao estragar-se, ou cair durante uma luta, o dente logo era substituído por outro, que crescia depressa.

Rapidez

Os cientistas acreditam que o Allosaurus se movia a cerca de 8 km/h. Um atleta poderia apenas acompanhá-lo quando o Allosaurus disparava sobre suas pernas traseiras, parecendo um pássaro gigantesco. Cada passada dele tinha a extensão de um automóvel.

Garras

Os quatro dedos de ambos os pés terminavam em garras afiadas, semelhantes às dos pássaros. Três delas apontadas para a frente e uma virada para trás. Cada garra era forte e afiada o bastante para rasgar a barriga de qualquer outro dinossauro. O Allosaurus também possuía uma garra em cada um dos três dedos das mãos.

Bem Equilibrado

O Allosaurus provavelmente aprumava a cauda para manter o equilíbrio enquanto andava ou corria. Além disso, a cauda (que continha cerca de 50 ossos) também era empregada para chicotear o rival antes do acasalamento, nas lutas empreendidas pelos machos para conquistar as meas. Qualquer pequeno dinossauro carnívoro que tentasse pegar um filhote de Allosaurus seria atingido por uma boa chicotada de sua cauda.

Exterminador de Filhotes

Vários membros de um bando de Allosaurus costumavam reunir-se para caçar, atacando os indefesos Diplodocus com garras e dentes até deixá-los em pedaços. Os Allosaurus também não hesitariam em atacar e exterminar os filhotes desses grandes dinossauros.

Necrófagos à Espreita

Nem sempre era possível conseguir carne fresca, por isso o Allosaurus talvez comessem também as sobras de animais mortos por outros carnívoros. Os que comem carniça são chamados de necrófagos.

Dados da Fera


Nome: Allosaurus ("lagarto estranho").

Tamanho: 12 metros de comprimento.

Alimentação: carne.

Quando viveu: há cerca de 150 milhões de anos, no Final do Jurássico.

Onde viveu: na América do Norte, África e China.

Gênero aparentado: Giganotosaurus.
  
Curiosidades
  
Marcas de dentes de Allosaurus foram encontradas nos ossos da cauda de Apatosaurus, um herbívoro da América do Norte. Alguns dinossauros herbívoros, como o Diplodocus, eram grandes demais para que um Allosaurus pudesse atacá-los sozinho. Então, os Allosaurus se reuniam em bandos para caçá-los.

Caminhando com as Bestas (parte 2)

Análise Dino Storm: jogo MMORPG de Browser

Para quem gosta de jogos RPG de multijogadores, e que também é fanático por dinossauros, é recomendado. Entretanto, ainda faltou muito conteúdo para realmente se tornar um bom jogo, o que já era de se esperar, por ser o primeiro jogo RPG Online gratuito em 3D que abrange principalmente uma trama voltada aos dinossauros. Clique aqui para acessar o jogo.

Sobre a Aparência

Um belo gráfico, considerando que não é um jogo de Download. De longe, é tudo muito bonito de se ver, camadas e efeitos realísticos nos dinossauros, mas sempre com um ar de "fantasia" (inclusive nas cores extravagantes). O problema mesmo é quando se utiliza o artifício de "tela cheia", onde as partículas aumentam desproporcionalmente, dando um efeito de rasura; ou seja, o gráfico fica bom na tela pequena, quando se usa tela cheia ou algo do tipo, infelizmente o gráfico fica horrível, e cheio de defeitos.

Sobre os Mapas

Um ponto bem questionável, sendo que o jogo tem um mapa relativamente limitado, e ao mesmo tempo totalmente acessível. Ou seja, logo quando você começa a jogar, já é possível se aventurar até nos piores e mais perigosos mapas (obviamente você correrá riscos, mas a morte não é penalizante nos primeiros níveis). Outro ponto é que, além dos mapas serem curtos e disponíveis até mesmo aos iniciantes, eles também são muito repetitivos... De primeira vista você se sente em um mundo pré-histórico, se sente dentro do jogo, mas toda essa sensação dura pouco, a partir do ponto que você começa a explorar o mapa a fundo, e ter a impressão de já ter passado no mesmo lugar várias vezes. E realmente, todo o caminho do mapa parece igual, você se perde em um labirinto de mesmice, mudando apenas os inimigos, que ficam mais poderosos com o avançar da exploração.

Sobre a História e Jogabilidade

Não posso falar muito sobre esta parte, sendo que me cansei do jogo após 30 minutos entediantes (digo isso pois já fui logo andar por todo o mapa, reconhecendo as espécies disponíveis e as paisagens repetitivas). Fiquei meio perdido para entender o jogo, mas para quem é acostumado com RPG's não há nenhuma inovação, pois a base continua a mesma... Barra de ataque, maná, pontos vitais, interface de personalização, enfim, nada de diferente de outros jogos. Pelo que vi o jogo também quase não tem missões, e se tiver provavelmente são as de sempre, mate tantos daquele dinossauro e receba experiência até aumentar de nível.

Sobre Personagens e Bots

A interface de personalização do "avatar" inicial é bem fraca, com poucas opções de modificação (cerca de três roupas diferentes, alternando nas cores). Você começa montado em um pequeno dinossauro de menor porte, mas no decorrer do jogo é possível substituí-lo por dinossauros maiores, como o Carnotaurus. Você sempre ficará montado no dinossauro, não poderá sair de cima dele, e terá como formas de ataque armas de láser e a ferocidade de seu dinossauro montaria. Os bots, ou "inimigos" programados, variam muito de um mapa para outro, e há várias espécies diferentes de dinossauros e animais pré-históricos, variando desde um dente-de-sabres até um Tyrannosaurus Rex.

PVP e Acesso ao jogo

Quanto ao P-V-P (jogador contra jogador) - o aspecto mais importante de um jogo para muitos - é simples e cansativo, pelo fato de que é apenas necessário clicar nos diferentes ataques na barrinha e usar alguns itens no inventário que ajudarão durante a luta. Não posso dizer que é dinâmico pelo fato dos ataques serem apenas tiros de láser coloridos e nada mais... Sem explosões ou efeitos de abrir a boca, como ocorre em alguns RPG's por aí. Quanto à acessibilidade, é notável pelo jogo ser de Browser (jogável pelo navegador de internet), e assim não é necessário fazer Download. Tem um número considerável de jogadores, apesar de que muitos param em uma semana de jogo, várias contas são criadas diariamente.

Conclusão

Apesar das limitações gráficas, do mapa minúsculo e do PVP fraco, Dino Storm é um jogo bem legal e recomendado principalmente para crianças, mas também recomendado para os mais velhos por ser um passatempo divertido. Você também pode escolher jogá-lo por ser o único MMORPG de dinossauros, ou por ser um jogo de fácil acesso, apenas carregando a página no navegador e sem download algum. Enfim... Se decidir se aventurar por Dinoville com seu fiel dinossauro de montaria, vale lembrar de que todo RPG tem uma tendência viciante, dessa forma, jogue moderadamente, pois vale muito mais momentos com a família e amigos, do que horas em frente a uma tela de vidro (ou de cristal líquido aos perfeccionistas).

Imagens do Mês - Março de 2013 - Tyrannosauridae II

Clique na imagem que desejar para ampliá-la.

 Nanotyrannus

Nanotyrannus

 Zhuchengtyrannus

Tyrannotitan

 Tyrannosaurus Rex "invadindo" a janela do Windows.

Jurassic Park 3D com dois novos comerciais

O aguardado relançamento do clássico Jurassic Park - O Parque dos Dinossauros em versão 3D acaba de ganhar dois comerciais. Confira abaixo! 


Apoiado na mais moderna tecnologia de engenharia genética, o visionário John Hammond (Richard Attenborough) constrói um inacreditável Parque Temático com dinossauros vivos, recriados a partir de amostras pré-históricas de DNA. Os cientistas e pesquisadores Ellie (Laura Dern), Alan (Sam Neil) e Ian (Jeff Goldblum) vão até o local para conferir um aval científico à incrível experiência, mas algo foge do controle, e os dinossauros de John Hammond se transformam numa ameaça de proporções inimagináveis. 


A estreia de Jurassic Park 3D - O Parque dos Dinossauros está prevista para 30 de agosto de 2013.