segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Descobertas centenas de pegadas de dinossauros no Peru

Centenas de pegadas e restos fossilizados de animais pré-históricos foram descobertos durante a construção de uma estrada por uma empresa mineradora na região de Ancash, noroeste do Peru, informou a própria companhia.

"Trata-se da jazida de pegadas do dinossauro mais alta do planeta, situada a mais de 4.600 metros de altitude", anunciou a mineradora Antamina, de propriedade da BHP Billiton e do grupo mundial Xstrata, entre outros, sem especificar a data da descoberta.

Durante um estudo preliminar do local, foram encontradas mais de 100 pegadas de pelo menos 12 formas diferentes de animais pré-históricos. A idade desse sítio pode remontar ao início do Cretáceo, há cerca de 120 milhões de anos, completou a nota.

Uma exploração mais cuidadosa encontrou mais pegadas em outros lugares, além de grande quantidade de restos ósseos fossilizados, alguns deles de dinossauros, mas também de outros animais que habitaram a região na mesma época.

Esses últimos restos já foram examinados, o que permitiu identificar, entre eles, répteis como ictiossauros, crocodilos de espécies extintas, pterossáurios e tartarugas, além de peixes e vários invertebrados em excelente estado de conservação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário